Postado por: IKKI AMAMIYA DE FENIX 4 de agosto de 2012
Você sabia que em Saint Seiya existe um ponto vital no corpo? 
Confira a matéria abaixo:

Quando o Dragão Negro, por crer então na amizade que Shiryu tanto enfatizava,
 salvou o Cavaleiro de Dragão estancando seu sangramento, é dito que assim o 
fizera atingindo-o em seu ponto vital, 
mais especificamente: 急所真央点 (fûsho shin'ô ten).
Vendo assim, faz parecer que o corpo humano possui somente um ponto vital. Não. 
Acontece que, somente um ponto vital que era útil na situação. Explicando... Pela 
doutrina budista da Yôga Sutra esse ponto tocado pelo Dragão Negro é
 o Chakra Anahata.

Esse Chakra funciona no corpo através de energias chamadas
"Pranas" (não confundir com a energia "Para", que é liberada quando
esse Chakra é aberto). Existem cinco subtipos, cada qual controlando um
sistema específico, todavia, o Prana propriamente dito controla o sistema
circulatório e a respiração. Mais especificamente entra no corpo pela
respiração e atinge cada célula obviamente pelo fluxo sangüíneo.
Ou seja, além de não haver contradição no que tange aos pontos vitais, a idéia foi
 extremamente feliz ao juntar o conceito religioso em termos tão "práticos".
 - Não, não foi um mero casuísmo desfundamentado somente para que o
Dragão voltasse a ativa o quanto antes.

Ah claro, não poderia me esquecer. A situação é a mesma com Milo e Hyoga na
casa de Escorpião (considerando que no anime, diferentemente do mangá, é
ligeiramente mais abaixo, acredito porque seria estranho perfurar com os
dedos a Armadura do Cisne)
E a ultima vez ate agora que isso aconteceu foi na luta entre Milo e Kanon
Milo o salvou assim como fez com Hyoga

| 2 comentários |

  1. boa explicação , é muito estranho sem saber sobre isso o cara colocava o dedo e ja recuperava

    ResponderExcluir
  2. O que tem bastante de pontos vitais é em hokuto no ken, lá tem ponto para tudo, pra animar,falar...e mmuitos outros, pra enfiar o dedo e transpassar a carne precisa de muita força mesmo.

    ResponderExcluir